Monty Python - O Sentido da Vida (1983)


O humor corrosivo que caracteriza os filmes do grupo Monty Phyton está afiadíssimo nas histórias de O Sentido da Vida. Nesse filme, a trupe de comediantes britânicos ganha a tela para satirizar a medicina, a igreja, os militares, o sexo, e tudo o que é levado a sério demais pelos seres humanos normais. A ousadia lhes valeu o Prêmio Especial do Júri no Festival de Cannes. O Sentido da Vida mostra porque eles fazem sucesso há três décadas na TV e no cinema de todo o mundo.O Monty Python começou na BBC de Londres em 1969 e logo se espalhou pelo mundo com suas apresentações ao vivo, livros e filmes imperdíveis. Este foi o último filme da trupe que se separou após este trabalho. Em seus filmes, já satirizaram desde Rei Arthur, símbolo máximo da nobreza, justiça e coragem britânicas (Monty Phyton e o Santo Graal, 1975) à Jesus (A Vida de Brian, 1979), personagem que dispensa apresentações.
Os seis malucos integrantes de Monty Python - John Cleese, Graham Chapman, Terry Jones, Eric Idle, Terry Gilliam e Michael Palin estão de volta em outra de suas mais loucas aventuras, para explicar O Sentido da Vida. 



Elenco:

Graham Chapman
John Cleese
Terry Gilliam
Eric Idle
Terry Jones
Michael Palin

Duração: 107 minutos
Direção: Terry Jones / Terry Gilliam
.
Deixe seu comentário!!

10 comentários (deixe o seu!).